UX – Como criar a melhor experiência de compra de imóveis para seus clientes

UX – Como criar a melhor experiência de compra de imóveis para seus clientes

O mercado imobiliário tem muito a ganhar quando investe na qualidade da experiência de compra do cliente

 

A maneira como o consumidor se relaciona com as empresas têm mudado nos últimos anos. Isso porque o perfil global do consumidor passou por alterações de modo que, atualmente, as pessoas estão muito mais conectadas e sentem-se cada vez mais integradas e participativas no relacionamento com as marcas que apreciam.

 

No mercado imobiliário não é diferente. A maneira como um cliente, seja ele proprietário de imóveis ou um futuro comprador que busca apartamentos à venda no Morumbi, vive a experiência de aquisição do produto é extremamente importante para a reputação da marca.

 

Cada mudança no comportamento do consumidor afeta o relacionamento da empresa com o cliente, que tem ido muito além da conversão de visitantes em leads e leads em clientes. O consumidor contemporâneo tende a priorizar marcas que oferecem praticidade, tecnologia e bom relacionamento.

 

Experiência de compra

 

“UX” é o termo que expressa a experiência do usuário durante o processo de compra e assim que o produto é adquirido. Por isso, está sempre relacionado às emoções e sentimentos do cliente.

 

Além disso, a experiência da compra costuma influenciar no comportamento do consumidor e levar à fidelização e à divulgação através de boas impressões. O lado negativo, porém, também existe: más impressões também influenciam no processo de compra.

 

Por essas razões, uma boa experiência de compra é capaz de fortalecer o relacionamento com o cliente e, consequentemente, aumentar as vendas e diminuir o custo de aquisição por cliente.

 

Como melhorar a experiência de compra?

 

Existem alguns fatores que podem auxiliar na melhora da experiência de compra de um cliente no mercado imobiliário. Entendendo o funcionamento desses elementos, as chances de oferecer uma experiência que gere frutos posteriormente é muito maior. Confira:

 

Serviço

 

Apesar de não ser o único elemento da experiência de compra, o serviço é um dos principais. Basicamente, consiste na geração de um relacionamento original entre a empresa que oferece o serviço e o comprador.

 

É fundamental, para isso, que a visão rudimentar de que é preciso vender de qualquer maneira seja extinta. O ideal é que os vendedores realmente escutem e se preocupem com as dores do cliente e ofereça o que, de fato, agregue valor.

Entre as experiências, principalmente no mundo digital, estão pagamento diversificado, páginas que carreguem rapidamente, um site com design responsivo, produtos e ofertas devidamente detalhados e produtos fáceis de serem encontrados.

 

Ambiente

 

Seja no ambiente físico ou digital, se pretende causar uma boa impressão e aumentar as chances de venda, é preciso ficar atento em alguns pontos:

 

No ambiente digital, em um e-commerce por exemplo, a plataforma precisa de um design eficiente, uma identidade visual bem direcionada, descrições e títulos claros, meios de atendimento ágeis e claro, fotos em ótima resolução.

 

Em lojas físicas, no entanto, um ponto de venda organizado, iluminado corretamente e decorado de maneira que chame a atenção do cliente são fundamentais para uma boa experiência do usuário.

 

Transparência

 

É muito comum que, hoje em dia, haja muito mais pesquisa antes de realizar uma compra. Por isso, falsas promessas são rapidamente desmascaradas através de avaliações ruins nas páginas de venda e nas redes sociais.

 

Por essa razão, transparência é fundamental para que o cliente tenha uma boa experiência. Clareza na forma de pagamento, na descrição dos imóveis, sem margens para dúvidas e um bom detalhamento do processo de compra fazem com que cada vez menos pessoas fiquem decepcionadas com o serviço oferecido. Consequentemente, as chances de sua empresa ser mal avaliada na internet é bem menor.

 

Pagamento

 

É muito frustrante escolher um produto e descobrir que você não conseguirá comprar pois seu cartão não é aceito. Por isso, é importante oferecer as mais diversas formas de pagamento para que a venda não seja perdida.

 

Existem muitas formas de pagamento: Mercado Pago, PayPal, PayU e Stripe, cartão de crédito ou débito, pagamento por boleto, pagamento parcelado e descontos oferecidos através de cupons.

 

Interatividade

 

A mais nova tendência do mercado imobiliário é a utilização de e-commerce para as vendas e negociações. Por isso, dar uma atenção à interatividade da plataforma é uma boa opção para quem quer focar em uma melhor experiência do usuário.

 

O princípio da interatividade é o incentivo ao usuário para que uma ação seja tomada, o que aumenta o engajamento do site. Esse tipo de estratégia costuma melhorar a experiência de compra, pois a torna mais sensorial e prática.

 

Personalização

 

Muito mais evoluídas do que antigamente, as técnicas de marketing digital trouxeram às marcas a opção de oferecer uma experiência de compra personalizada ao usuário, a partir do uso de Big Data. Por isso, uma ferramenta que automatize a coleta de informações e do comportamento dos usuários pode ser uma grande aliada na hora da venda.

 

Utilizar a personalização do atendimento a partir dos dados pode ajudar a empresa a oferecer propostas individuais e apropriadas de acordo com a necessidade do cliente. Levar em conta os interesses particulares do cliente aumenta as chances de que ele se sinta especial em sua experiência de compra.

Nos siga nas redes sociais!

Behance Behance Linkedin Linkedin Instagram Instagram

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Confira nossa Política de Privacidade.